29 maio 2006

Os "Amigos de Peniche"

A organização de um evento como o Festival de Jazz de Minde e a Grande Festa da Música tem custos, e só com apoios é possível a sua realização. Trata-se de um evento cultural, e nunca as receitas de bilheteira (a preços baixos) conseguirá gerar fundos suficientes para a sua realização.
A organização deste evento bateu a muitas portas, e só algumas estiveram receptivas a apoiar e associar o nome das suas empresas a esta festa cultural.
Ninguém é obrigado ou forçado a colaborar, e também ninguém leva a mal que a resposta seja um «Não». Essa é a resposta mais habitual que os organizadores ouvem.
Mas Existiram dois casos que, a mim particularmente, me deixaram perplexo e triste.

O primeiro caso é o de um grupo empresarial, que nos últimos anos realizou as maiores obras em Minde. Após o envio e entrega pessoal dos dossiers com o projecto do evento, após vários telefonemas e visitas, e após nos terem sido dado esperanças vãs e enganadoras, quando se chegou à hora da verdade, nem sequer jorrou um tostão.
Figura triste de uma empresa, que pelo volume de facturação realizado em Minde e pela qualidade deficiente dos seus serviços, deveria ter uma actuação mais digna perante Minde. Só nos fez perder tempo desnecessariamente.
O outro caso prende-se com uma entidade bancária a operar em Minde há já vários anos, e que apesar de ter sido solicitada a colaborar com a cultura de Minde, nunca “se chegou à frente”. Durante os três anos do JAZZminde tem sido solicitado (através de cartas e dossiers), apoio a essa entidade bancária, e nunca recebemos sequer uma resposta negativa. Temos sido sempre ignorados.
Mas vamos continuar a insistir. Quem sabe, um dia …
Nesta “aventura” do JAZZminde a organização tem encontrado muitos “amigos” destes.. Alguns até dentro das próprias colectividades de Minde. Mas há que pensar em frente, valorizar os aspectos positivos e esquecer cenas tristes.
Tal como anunciado, as possiveis receitas reverterão em benefício dos Bombeiros Voluntários de Minde, e posso acrescentar que até há um valor generoso. Brevemente serão publicadas as respectivas contas em local certo.
Pessoalmente, agradeço:
Obrigado a todos os que colaboraram, patrocinaram e apoiaram o 3º JAZZminde !!!

4 comentários:

vmcs disse...

Essa empresa não pode comparticipar porque vai ter que reparar as asneiras que fez nas obras de Minde e então todo o dinheiro é pouco!

HAJA DEUS!

vmcs

Luis Achega disse...

Gostei de ler isto PM. Certas situações não devem ficar incobertas após tanto esforço da vossa parte.

Luis Achega

Anónimo disse...

Caro PM,

Não entres na onda de dizer as coisas e não dizer o nome das empresas.

Claro que toda a gente sabe quem são. Mas, estas coisas ficam melhor com frontalidade do que estar a dizer: "foi ele que disse aquilo... Mas quem? Olhe, tá a ver aquela mesa com 4 pessoas, a que está de saias...".

E para quem anda mal infomado é sempre mais fácil perceber.

vmcs disse...

E este anónimo corajoso, entretanto vai começar a dar o nome... e a cara.

Ah, valente!